Diários de Alan Rickman serão publicados em livro

No último sábado (21 de novembro), o jornal The Guardian revelou que os diários de Alan Rickman, premiado ator britânico, mais conhecido pelos filmes Duro de Matar e Robin Hood: O Príncipe dos Ladrões e pelo papel de Severo Snape na saga Harry Potter, serão publicados em formato de livro, e seu lançamento será para o segundo semestre de 2022.

Conforme o jornal, os diários do falecido ator Alan Rickman serão publicados e editados em um único livro, e esses diários contam com 27 volumes escritos à mão de seus pensamentos "espirituosos, fofoqueiros e totalmente sinceros" sobre sua carreira e vida de mais de 25 anos. A editora responsável é a Canongate Books que nomeará a obra como “The Diaries of Alan Rickman”.

Alan Rickman escreveu em diários desde o início dos anos 1990 até o falecimento, em 2016, em decorrência de um câncer no pâncreas. Rima Horton, a viúva de Alan Rickman, comentou ao jornal sobre o projeto:

I’m delighted that Canongate will be publishing Alan’s diaries, and couldn’t have wished for a finer appointment of editor than Alan Taylor. The diaries reveal not just Alan Rickman the actor, but the real Alan – his sense of humour, his sharp observation, his craftsmanship and his devotion to the arts.

Em tradução:

Estou muito feliz que Canongate publicará os diários de Alan e não poderia desejar uma nomeação de editor melhor do que Alan Taylor. Os diários revelam não apenas Alan Rickman o ator, mas o verdadeiro Alan - seu senso de humor, sua observação afiada, sua habilidade e sua devoção às artes.

Taylor também disse ao Guardian que os diários de Rickman eram "anedóticos, indiscretos, espirituosos, fofoqueiros e totalmente francos, eles fazem leitura compulsiva e oferecem uma visão inigualável da vida diária de um ator notável que era tão amado nos Estados Unidos quanto certamente era no REINO UNIDO".

Alan Rickman compartilhou nos diários os seus pensamentos sobre atuação e o que observava no set ou no palco. Como um ávido espectador que assistia a vários shows por semana, os diários também incluem resenhas de peças que ele assistia. Os diários também trazem sobre seu círculo de amizade, seu interesse por política e histórias de bastidores de seu tempo no palco e na tela, incluindo contos do set de Harry Potter, onde trabalhou por uma década, entre 2001 e 2011. E a Canongate Books cita ao The Guardian, além de uma rara surpresa que os fãs terão ao ler o livro:

Mais do que qualquer coisa, os diários revelam o verdadeiro Alan Rickman, engraçado, apaixonado, ocasionalmente provocador, e dão uma nova visão de sua arte. Ele escrevia seus diários como se estivesse conversando com um amigo próximo. Eles fornecem vinhetas perfeitas: parágrafos curtos e enérgicos pintando grandes quadros e oferecendo intrigantes percepções sobre si mesmo, seus colegas e o mundo ao seu redor. Eles são íntimos, perceptivos e muito engraçados. 


 Empolgados com o livro?

Postar um comentário

0 Comentários