Mulan | Bilheteria decepciona nos cinemas da China


Mulan, o novo live-action da Disney, estreou no streaming da mesma como um conteúdo exclusivo e com o preço de US$30 dólares. Apesar de muitos fãs torcerem o nariz pelo valor, o filme conseguiu um certo sucesso, segundo dados da própria Disney.

O filme foi projetado para ir aos cinemas do mundo inteiro, mas devido à pandemia do COVID-19, acabou indo para o Disney+.

Porém, alguns cinemas já conseguiram reabrir, como por exemplo, os cinemas chineses. A bilheteria acabou arrecadando apenas US$23,2 milhões.  

Não é um número ruim sendo que Mulan conseguiu superar as bilheterias de abertura de outros live-actions da Disney, como Aladdin e Malévola: Dona do Mal, mas considerando o orçamento de US$200 milhões, o mais caro das outras produções, deixou a desejar.

O filme também sofreu algumas tentativas de boicote dos próprios chineses. E os fãs do clássico animado Mulan (1998), se decepcionaram com esta nova narrativa.

Apesar disso, o filme vem recebendo críticas positivas, sendo um dos live-actions mais bem avaliados pela crítica especializada. 

Mulan estará disponível gratuitamente no Disney+, junto com outras produções do streaming à partir do dia 4 de dezembro, três meses após seu lançamento. 

No Brasil, o Disney+ chegará dia 17 de novembro.

Postar um comentário

0 Comentários