Canal 3: Pac-Man

Longos dias e belas noites, Geeks

Peguem suas fichas de fliperama e aqueçam os dedos, pois estamos com mais uma matéria do Canal 3, um local reservado para falarmos de jogos clássicos que marcaram gerações. Para dar um continue em nossa programação, vamos falar hoje da bolinha amarela mais carismática (desculpa smile) de todos os tempos: Pac-Man (nosso popular come-come).

Toru Iwatani
Criado e desenvolvido por Toru Iwatani (se você assistiu ao fiasco do filme Pixels, saiba que o Iwatani apresentado no filme foi interpretado por Denis Akiyama), Pac-Man é um jogo que teve sua mídia original nos Arcades. Lançado em 1980, sua produção foi pela empresa japonesa Namco (Dark Souls / Tekken 7) e sua distribuição na américa ocorreu pela Midway Games (Space Invaders e maioria dos jogos Mortal Kombat). Com uma mecânica simples, o objetivo base do jogo era comer todos os biscoitos (como Iwatani se refere aos círculos amarelos do game) presente na tela, enquanto quatro fantasmas diferentes te perseguem. Em japonês, o herói é chamado de Puckman, por conta do termo paku-paku que é o ato de alguém abrir e fechar a boca.


Pac-Man surgiu com a proposta de ser um jogo que atraísse o público feminino. Iwatani narra ter ido até um Arcade no Japão e observar o público que jogava, o tipo de pessoa jogava e quais jogos cada um jogava, logo, ficou evidente que a maioria era masculina e os jogos mais jogados eram jogos de esporte ou tiro. Ele logo pensou que algo envolvendo comida seria um bom atrativo para as mulheres e, no meio de uma reunião em um pizzaria, ele teve a ideia do protagonista e objetivo do jogo, tudo isso ao ver uma pizza sem um pedaço. No final das contas, ele não poderia estar mais certo e Pac-Man foi uma febre entre a mulherada, em entrevistas da época, é muito comum ver as garotas falando como ele é fofinho e simpático. Inclusive, a febre pela bola de pixels amarela foi tão grande, que saíram diversos novos jogos. Pac-Man chegou a ser usado como garoto propaganda, recebeu uma música temática (Pac-Man fever e até uma mais recente do Gorillaz) e até mesmo uma série animada, feita pela Hannah-Barbera, chamada de O Comilão em português brasileiro.

Como Iwatani mesmo fala, o importante em um jogo não é apenas sua ideia, mas o aspecto visual que envolve a obra. Nas palavras do criador, Pac-Man ganhou toda a sua popularidade pela simplicidade que o jogo possui. Em 2011, ele falou na GDC (Game Developers Conference) sobre a inteligência artificial por trás da movimentação dos fantasmas. Há um vídeo explicativo que mostra a mecânica minuciosa de cada um, mas basicamente, Blinky (vermelho) vai perseguir o jogador, Pinky (rosa) e Inky (azul) vão tentar encontra-lo de frente, indo em direção a boca e Clyde (laranja) terá um comportamento mais aleatório, mas que também buscar perseguir o jogador e, algumas vezes, ir para o canto esquerdo da tela. Pac-Man foi o primeiro jogo a criar a mecânica do Power-Up, um upgrade temporário que dá alguma habilidade especial para o personagem do jogo, algo muito explorado em jogos como Super Smash Brothers. 

Exatamente por possuir uma mecânica simples, era fácil de aprender os esquemas do jogo e, rapidamente, passar horas jogando com uma mesma ficha. Tal atraiu a atenção de Doug Macrae, John Tylko e Kevin Curran, três colegas de faculdade que montaram juntos uma empresa para criação de kits de melhoria para jogos de Arcade (imagine algo como os primeiros Mods ou DLCs disponíveis para jogos). Juntos e enfrentando um processo milionário pela Atari, os três criaram uma melhoria que envolvia novos sons, novos padrões para os fantasmas e uma alteração grande para o protagonista. O que era para ser apenas um kit para melhoria para o jogo original, acabou despertando o interesse da Namco quando a empresa solicitou permissão, assim nasceu Ms. Pac-Man, a primeira personagem feminina dos jogos de vídeo game, no ano de 1982.

Pac-Man é um case de sucesso sem dúvida nenhuma. Ao total, é a quinta franquia de jogos com maior receita (R$ 14,7 bilhões) e possui mais de 70 jogos para diversas plataformas. Existe até mesmo o boato na internet que o símbolo da LG seria um easter egg para o Pac-Man. Com diversos produtos licenciados para merchadising, como canecas, camisetas, botos, tazos, chaveiros, bonecos, decoração etc., além de um renome mundial, o nosso popular come-come sempre será um legado inestimável para os games.



Postar um comentário

0 Comentários