6 curiosidades sobre "Spider-man: Miles Morales" que você precisa saber


O tão esperado game Spider-man: Miles Morales saiu hoje para a PlayStation 4. A história acompanha a jornada de Miles Morales como o novo Homem-Aranha e o começo de sua batalha contra a vilã Tinkerer. 

A Revista Jovem Geek também vem com 6 curiosidades sobre o personagem! Confiram!

1. Conceito de criação

Conforme o portal O Vício, quando a linha Ultimate da Marvel Comics surgiu, no ano de 2001, seu conceito era de recriar os maiores heróis da editora para novos leitores, sem o peso de anos de cronologia. Porém, o Universo Ultimate começou a acumular sua própria cronologia, e seu motivo primário de existência já não fazia tanto sentido e, por isto, a linha precisou evoluir para se tornar algo diferente.

Ou seja: o Universo Ultimate era uma versão mais moderna e descolada do universo regular, em seu início. Posteriormente, o Universo Ultimate então passou a servir para que os roteiristas pudessem ousar diversas ideias criativas que jamais seriam aceitas pelos editores na linha principal.

Com 10 anos do título Ultimate Spider-Man, o roteirista Brian Michael Bendis fez o impensável: matar o Homem-Aranha. Não significou o fim do título na linha Ultimate, já que Brian Michael Bendis encaixou um novo Homem-Aranha.

Dessa maneira, veio o personagem Miles Morales, um garoto negro e hispânico, que também foi picado por uma aranha da Oscorp Industries, da mesma forma que Peter Parker. E diferente de Peter Parker, cuja tragédia envolvendo o Tio Ben foi o embalo para agir como um super-herói, Miles Morales era só um garoto de 13 anos, com medo das mudanças que estavam acontecendo com o seu corpo e sua motivação veio justamente da morte de Peter Parker, que morreu dando tudo de si para salvar as outras pessoas. 

Conforme O Vício e conforme Legião dos Heróis, a ideia de um Homem-Aranha negro surgiu em 2008, quando Barack Obama se tornou o primeiro presidente negro dos Estados Unidos. Era uma ideia que o editor-chefe da Marvel Comics, Axel Alonso, já trabalhava, até que surgiu a oportunidade com o roteirista Brian Michael Bendis.

Surgiu uma máxima: “qualquer pessoa pode ser o Homem-Aranha”.

Miles Morales conquistou o público com sua trajetória: um jovem negro do Brooklyn e um super-herói, munido de seus poderes e de altruísmo. 

Não demorou para Miles Morales sair dos quadrinhos e ir, também, para outras mídias: apareceu na série animada Ultimate Spider-Man quando Peter Parker conhece outros Aranhas, e tornou-se parte do elenco regular de Marvel’s Spider-Man. Em 2017, o personagem começou a tomar mais impulso.

2. Diferenças entre Miles Morales e Peter Parker

Miles Morales possui todos os poderes que Peter Parker possuía, mas com o seu sentido aranha sendo menos intenso e mais duas habilidades novas: a capacidade de se camuflar e uma "rajada de veneno".

Miles Morales não é um gênio como Peter Parker, portanto, não tinha como fabricar as clássicas teias que eram uma invenção particular do Homem-Aranha anterior. No entanto, Peter Parker tinha o mais importante, que é o que define o Homem-Aranha: responsabilidade.

3. O número 42

Em Homem-Aranha no Aranhaverso, algo que se repete bastante é o número 42. Recentemente, finalmente foi revelado o motivo.

A aranha que picou Miles Morales possuía o número 42 em suas costas. Além do número da loteria de Miles ser 42, é comumente visto como uma referência ao livro O Guia do Mochileiro das Galáxias

Foi criado um Tweet: o número 42 é uma homenagem a Jackie Robinson, jogador negro da Major League de Baseball, que usava a camisa número 42.

4. Medos e fraquezas


Mesmo os maiores super-heróis possuem um medo. O maior medo de Miles é que sua identidade secreta possa causar a morte de sua família.

A maior fraqueza de Miles é a sua inexperiência em ser um combatente ao crime. O herói ainda não tem total controle ou certeza de seus poderes, o que prejudica a sua eficácia.

Embora ele seja simplesmente brilhante, sua idade e falta de experiência no mundo real é um obstáculo em perceber a gravidade das situações ao seu redor. Miles não teve treinamento de combate e isso o leva a cometer erros táticos.

5. Diretor comenta as diferenças entre as versões de PlayStation 4 e PlayStation 5

Em entrevista à Game Informer, conforme o portal ComicBookBrian Horton, diretor do jogo, trouxe informações sobre as versões do jogo para PlayStation 4 e PlayStation 5.

PlayStation 4 ainda estaria preso às limitações tecnológicas. Entretanto, as duas versões prometem trazer a mesma experiência. A grande vantagem do PlayStation 5 será a ausência das telas de carregamento, enquanto os jogadores de PlayStation 4 ainda esperarão entre as cenas.

O jogo no PlayStation 5 tirará proveito das novidades do DualSense - o nome do novo controle do PS5 e promete trazer várias mudanças em relação ao DualShock 4 - para trazer uma experiência tátil mais detalhada. 

Você poderá comprar a versão de PlayStation 4 e, se decidir, poderá migrar para o PlayStation 5. A atualização será gratuita e o jogo carregará para o novo console.

6. Histórias dos vilões ganham detalhes

Em uma postagem no Twitter da Insomniac Games, mostra um breve resumos dos acontecimentos de Spider-Man, no qual os novos vilões ganham destaque:

Extra:  Creating The World Of Marvel's Spider-Man: Miles Morales



Curtiram a matéria?

Leia também:

Marvel anuncia HQ e artbook de Spider-Man: Miles Morales

Último Trailer de "Spider-Man: Miles Morales" é divulgado

Postar um comentário

0 Comentários